Mês: novembro 2016

Cresce a procura por técnicas orgânicas voltadas para administração do estresse

stresse

Empresários e executivos são os que mais procuram por práticas com foco em
alta performance

            Eles não querem exercícios de relaxamento e fogem das academias, o que alguns executivos e empresários procuram é por técnicas orgânicas que revitalizam a mente e energizam o corpo. Vitalidade e força são palavras chaves para esses profissionais que vivem uma rotina de estresse elevado, de alto nível de exigência e enfrentam adversidades constantemente. De médicos a CEO’s, de jovens a adultos, o que o público masculino, em sua maioria nesse tipo de treino, tem em comum é a aptidão para treinos com foco em alta performance. “Com as práticas em aula, aumentei minha resistência para enfrentar os desafios da vida, tirando de tudo uma nova possibilidade de aprendizagem. Essa é uma filosofia de vida que agrega várias ferramentas que possibilitam aumentar o rendimento do seu dia a dia. Além disso, me tornei mais confiante, determinado, com vontade de fazer tudo com qualidade”, comenta Carlos Eduardo Roberto, 43 anos, analista de sinistro de automóveis.

Superar desafios, criar resiliência e buscar qualidade de vida e desenvolvimento pessoal são fatores que levam um público mais seleto a praticar o DeRose Method. São exercícios que fortalecem o sistema imunológico, melhoram o tônus muscular, atuam diretamente na gestão do estresse, concentração, melhoram o condicionamento físico. Quando o assunto é administração do estresse, segundo a professora Nina de Holanda, as técnicas do método ajudam a quebrar padrões físicos e emocionais já condicionados ao histórico de vida desse indivíduo de modo a criar novos comportamentos, a partir do auto conhecimento. “O método consiste em um conjunto de técnicas que fazem com que o ser humano se aperfeiçoe, ele com ele mesmo. São exercícios de concentração, respiração e corporais que trabalham a flexibilidade, força, resistência, dentre outros aspectos. Naturalmente, o conceito de uma life style mais consciente e com mudanças de hábitos acaba transformado esse aluno de uma maneira integrada, como um todo. A dinâmica pessoal muda e com isso a consciência se torna mais clara no entendimento dos motivos do estresse e de como você é capaz de superá-lo”, comenta Nina. Miguel Perez, 43 anos, diretor executivo retail, explica que as pressões diárias que são próprias de um cargo de liderança provocam uma série de transtornos na vida pessoal, uma delas é a dificuldade de desconectar a mente do trabalho durante atividades de lazer. “O método me ajuda no desenvolvimento e equilíbrio corporal e mental. Esvaziar por um tempo minha mente me permite perceber melhor a solução de problemas e situações das quais se estivesse estressado certamente teria agido no impulso e de forma negativa. Estou conseguindo grandes avanços na minha força e flexibilidade, atingindo metas que não tinha alcançado há muitos anos. Consigo relaxar com mais facilidade e aumentei minha capacidade de concentração”, explica Perez.

Link para matéria original no R7